The Art Of

Contando histórias em pixel art – Conheça o trabalho de Octavi Navarro

De tempos em tempos surgem projetos que despertam nostalgia e sopram um ar fresco em coisas que pareciam estagnadas ou esquecidas. Este é o caso do trabalho do artista Octavi Navarro. Um pixel artist de Barcelona, Espanha qual ficou conhecido na internet por pintar cenas em pixel art que juntas formam um projeto chamado Pixels Huh.
A ideia por trás do projeto Pixel Huh veio do amor do artista por todos os videogames clássicos que ele joga desde o dia em que seus pais compraram um Commodore 64 de segunda mão com uma caixa cheia de fitas de jogos. “Eu me lembro que ficava estasiado com os mundos ricos que os primeiros designers e artistas conseguiam criar apesar das grandes limitações.” Em  Pixels Huh, o artista mistura suas próprias técnicas de pintura com algumas das restrições das pixel arts clássicas, resultando em cenas muito pessoais que contam histórias únicas. Os trabalhos de Octavi já apareceram em várias publicações internacionais de renome, como a Edge Magazine, Die Welt, How Design Magazine, Kill Screen e ARTE Tracks. Ele também já trabalhou com grandes clientes do mundo inteiro como Penguin Random House, La Caixa, El Corte Inglés, Plain Vanilla Games, etc.
Foi também graças ao projeto Pixel Huh que Octavi foi convidado para trabalhar em Thimbleweed Park, ao lado dos gigantes Ron Gilbert e Gary Winnick, criadores do título Maniac Mansion (1987), Monkey Island 2: LeChuck’s Revenge (1991), Day of Tentacle (1993) e vários outros títulos famosos da antiga LucasArts.
Thimbleweed Park é um game de aventura, point and click, um gênero muito famoso outrora, mas completamente fora da corrente mainstream de hoje, a não ser talvez pelos jogadores de jogos indie, que acabam preferindo uma jogabilidade diferente e altas doses de nostalgia ao gráficos épicos dos games AAA. Veja o trailer de Thimblweed Park abaixo.
Depois da boa aceitação de Thimbleweed Park (avaliações 94% posistivas só na Steam), Octavi foi convidado a participar de The Curious Expedition (2016), um roguelike ambientado no final do século XIX. Onde o jogador é convidado a embarcar em uma aventura com personalidades famosas, em expedições sem precedentes a regiões nunca antes exploradas para conquistar fama, ciência e tesouros, o título fez sucesso e conseguiu avaliações 89% positivas na Steam. Assista ao trailer  abaixo.

Mas Octavi também já se aventurou sozinho. Em 26 de setembro de 2017, Midnight Scenes foi lançado. Um short adventure game (um jogo de aventura curta) em que acompanhamos Claire em sua tentativa de retomar sua jornada depois que um inesperado obstáculo aparece na frente de seu carro. Midnight Scenes é um game point and click inspirado na série de televisão Além da Imaginação (The Twilight Zone – 1959 a 1964) criada e apresentada por Rod Serling. Você pode baixar o game gratuitamente direto do site do desenvolvedor clicando aqui. Veja o trailer desse game misterioso logo abaixo.

Em seu segundo projeto, Octavi nos apresenta o game The Librarian, outro short adventure game em que alguma coisa está errada na biblioteca, o templo e o porto seguro de Liz, fora ameaçada pelo desconhecido, por fantasmas de seus próprios sonhos mais sombrios. Liz terá de investigar. Ela é a bibliotecária, afinal. Octavi explica que The Librarian  é um jogo muito pessoal cuja produção começou há muito tempo, muito antes do Midnight Scenes, mas foi arquivado durante anos. Agora está finalmente terminado e pronto para jogar. Assita ao trailer do game logo abaixo e faça o download gratuito do game clicando aqui.

Se você curtiu o trabalho do Octavi Navarro, saiba que ele documenta os processos criativos dele no canal oficial do Pixel Huh no You Tube. Clique aqui e se inscreva no canal dele!

Inscreva-se no nosso canal do YouTube

Assista a tutoriais, tire dúvidas, tenha acesso a palestras e bate-papos exclusivos com artistas incríveis das Artes Digitais e conteúdos sobre o Mercado de Entretenimento.

Top